Em uma operação inédita no mercado, as empresas Octante, Syngenta e Bunge Brasil lançam a primeira Oferta Pública de CRAs (Certificados de Recebíveis do Agronegócio) para investidores pessoas físicas

Em uma operação inédita no mercado, as empresas Octante, Syngenta e Bunge Brasil lançam a primeira Oferta Pública de CRAs (Certificados de Recebíveis do Agronegócio) para investidores pessoas físicas, criando ,um título de crédito para levantar financiamento para agricultores. A modalidade permite que os produtores de soja e grãos financiem um pacote completo de insumos. A liquidação dos CRAs ocorreu no início do mês de agosto e o lançamento oficial da modalidade será realizado hoje (16/08/2012) na BM&F.;

O valor nominal unitário da primeira série desta primeira emissão de CRAs para investidores qualificados é de R$ 300 mil. A demanda pelos investidores foi superior a 150% do total ofertado, de R$ 85,5 milhões de CRA Sênior, e a Bunge Brasil adquiriu os CRAs Subordinados de 5% correspondentes a R$ 4,5 milhões.

“Enquanto fornecedores de fertilizantes para os agricultores brasileiros e negociadores de parte da produção nacional de grãos, acreditamos que este novo instrumento é decisivo para fomentar e desenvolver ainda mais o agronegócio no país. Por isso, atuamos como investidores, já adquirindo os CRAs Subordinados, antes mesmo do lançamento oficial para o mercado”, afirma Pedro Parente, presidente e CEO da Bunge Brasil.

A aplicação dos investidores dos CRAs Sênior remunera 109% do CDI (Certificado de Depósito Interbancário), é isenta de Imposto de Renda (Lei Federal 11.311, de 2006), e sua classificação de risco (rating) pela Fitch Ratings é AAA (bra). O registro da oferta, nos termos da Instrução CVM (Comissão de Valores Mobiliários) nº 400, foi concedido no dia 27 de julho de 2012.

A operação, em resumo, consiste na emissão de CDCAs (Certificados de Direitos Creditórios do Agronegócio) por quatro distribuidores da Syngenta (Fiagril, Sinagro, Agrocat e Agrícola Panorama) lastreados por 120% de recebíveis de operações de barter . A securitizadora, então, emite os CRAs com lastro nestes CDCAs, devidamente cobertos por seguro de crédito.

A Syngenta atua como agente administrativo, responsabilizando-se pela formalização dos lastros de barter(CPRs e Contratos de Venda Futura), pelo monitoramento das lavouras e como auxiliar de cobrança. “Estamos confiantes no sucesso dessa iniciativa, que certamente irá incentivar outros fornecedores, distribuidores e produtores a utilizarem o recurso de emissão de CRAs para financiarem seus insumos” afirma Laércio Giampani, Diretor Geral da Syngenta no Brasil.

A Octante Securitizadora é a Emissora dos CRAs aos investidores. A Bunge Brasil participou da emissão como fornecedora de fertilizantes, compradora de grãos e investidora dos CRAs Subordinados, o que garante a viabilização da operação no campo. A distribuição dos papéis aos investidores foi feita pela XP Investimentos, e a apólice de seguro de crédito foi emitida pela Chartis Europe Limited, que garante a liquidação financeira dos CDCAs e, consequentemente, dos CRAs.

Octante

A Octante é especializada em operações estruturadas do agronegócio. Foi fundada para atender a crescente demanda por fontes alternativas de financiamento do setor agrícola, grande motor da economia brasileira. Atua na originação, estruturação e emissão de títulos para o mercado de capitais, com foco nos títulos com isenção fiscal para investidores pessoas físicas, outra demanda crescente e não atendida. A Octante Securitizadora foi a Emissora da primeira Oferta Pública de CRA no Brasil. Para mais informações, acesse www.octante.com.br.

Bunge

Presente no Brasil desde 1905, a Bunge é uma das principais empresas de agronegócio e alimentos do país e uma das maiores exportadoras. Atua de forma integrada, do campo à mesa do consumidor. Desde a produção e a comercialização de fertilizantes, compra e processamento de grãos (soja, trigo e milho), produção de alimentos (óleos, margarinas, maioneses, azeite, arroz, farinhas), serviços portuários até a produção de açúcar e bioenergia.

Hoje, conta com mais de 20 mil colaboradores apenas no Brasil, atuando em cerca de 150 instalações, entre fábricas, usinas, moinhos, portos, centros de distribuição e silos, em 19 estados e no Distrito Federal. Marcas como Serrana, Manah, Salada, Soya, Cyclus, Delícia, Primor Etti, Salsaretti e Bunge Pro estão profundamente ligadas não apenas à história econômica brasileira, mas também aos costumes, à pesquisa científica, ao pioneirismo tecnológico e à formação de gerações de profissionais. Para mais informações sobre a Bunge, acesse: www.bunge.com.br.

Syngenta

A Syngenta é uma das maiores empresas do mundo, com mais de 26.000 funcionários em mais de 90 países dedicados ao nosso propósito: trazer o potencial das plantas para a vida. Por meio de ciência de ponta, alcance global e compromisso com nossos clientes, ajudamos a aumentar a produtividade das plantações, proteger o meio ambiente e melhorar a saúde e a qualidade de vida. Para mais informações, acesse www.syngenta.com.br.

Fonte: Agrosoft