Caminhão transportava madeira de diversas espécies.

Carga foi apreendida pelos agentes (Foto: PRF).
Carga foi apreendida pelos agentes (Foto: PRF).

Trinta e três metros cúbicos de madeira serrada ilegal foram apreendidos em Cachoeira do Piriá, no nordeste do Pará. O flagrante ocorreu no quilômetro 272 da BR-316.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a documentação apresentada pelo condutor era referente a dois mil jogos de peça eram das espécies “Aduelas” e “Alisares”, que vinham de Mazagão (AP).

O tipo de carga é isenta de Documento de Origem Floresta l (DOF) ou Guia Florestal, por se tratar de matéria prima acabada e totalmente processada, mas ao verificar a carga, os agentes da PRF constataram que a madeira declarada nos documentos não era a que estava sendo transportada. A madeira serrada que estava no caminhão era de diversas espécies e não tinha documento fiscal e Guia Florestal.

O condutor afirmou à PRF que a carga teria sido embarcada em uma serraria localizada no município de Moju/PA tendo como destino a cidade de Natal (RN). Com a confirmação do Crime Ambiental, o condutor foi detido e liberado após elaboração de Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e assinatura de Termo de Compromisso de Comparecimento ao Poder Judiciário quando for intimado.

O caminhão carregado com a madeira serrada foi apreendido, ficando à disposição dos órgãos ambientais para aplicação das demais medidas cabíveis.

Fonte: G1