Apesar da queda, o número de contratações supera o de demissões no acumulado do ano

O setor madeireiro continua gerando empregos, só que em ritmo menor
O setor madeireiro continua gerando empregos, só que em ritmo menor

Entre os meses de janeiro a setembro deste ano, as indústrias da madeira e do mobiliário de Mato Grosso admitiram 8.133 mil trabalhadores. Neste período, foram registrados 7.892 mil desligamentos pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Descontadas as demissões, o saldo de empregos ficou positivo em 241 colocações no setor, mas ainda abaixo do estoque de empregos registrado no mesmo intervalo do ano passado, quando foram mantidos 712 postos de trabalho.

Somente em setembro, foram contratados 841 trabalhadores e demitidos 815 pelas indústrias madeireiras e moveleiras do Estado. A manutenção de 26 postos de trabalho no último mês ficou abaixo do saldo registrado em setembro de 2013, quando totalizou 182 vagas. Em comparação com agosto deste ano, quando foram conservadas 104 vagas de emprego pelo setor, o saldo alcançado em setembro também foi menor.

Fonte: CIPEM